quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Lars Ulrich detalha como é compor junto de James Hetfield no Metallica
quarta-feira, dezembro 13, 2017


O baterista Lars Ulrich revelou, em entrevista a Andy Hall (transcrita pelo Ultimate Guitar), como é o processo de composição das músicas do Metallica. Geralmente, as canções são feitas por ele e pelo vocalista e guitarrista James Hetfield.

"Mesmo no começo, encontramos uma forma de deixar os egos de lado quando estávamos compondo. Não era como: 'esse é o território do baterista e aquele é o do guitarrista'. Havia essa coisa aberta acontecendo entre nós e nossos instrumentos, o que nos levou a um processo incomum, mas a uma abordagem mais forte", afirmou.

O músico destacou que é difícil "articular e intelectualizar" muito o processo, mesmo quando se faz isso por 35 anos. O motivo? "Não sei como as outras pessoas trabalham", disse Lars, que só integrou o Metallica até hoje em toda a sua carreira.

Durante o bate-papo, Lars também falou sobre as diferenças no processo criativo do clásisco "Master Of Puppets" (1986) com o recente "Hardwired...To Self-Destruct" (2016). "Na época, éramos menos prolíficos. Basicamente, fizemos oito músicas. Em 'Hardwired', começamos com centenas de ideias e enxugamos para 20 ou 30. Então, o disco chegou a 10 faixas. Quando fizemos 'Master Of Puppets', eram 10 ideias que se tornaram seis ou sete canções", afirmou.

Ulrich resumiu dizendo que, antes, a banda trabalhava até ter mais material para um disco; hoje, o esforço é para 'enxugar' e ter só as melhores ideias. "Somos bem mais prolíficos agora do que éramos antes. É uma época diferente, assim como era diferente antes. Nenhuma fase é melhor ou pior. Mas quando penso naquela época, foi como se tudo caminhasse tão rápido", disse.

Graças ao U2, EUA teve a melhor semana em vendas no rock em 2017
quarta-feira, dezembro 13, 2017


O U2 conseguiu alguns feitos interessantes com seu novo álbum, "Songs Of Experience", nos Estados Unidos. De acordo com a Billboard, a última semana - a do lançamento do disco - foi a maior em comércio para um registro de rock em 2017.

No total, "Songs Of Experience" teve mais de 185 mil cópias vendidas em sua primeira semana. O número foi o suficiente para derrubar Taylor Swift e seu lançamento mais recente, "Reputation", do topo da Billboard.

Atualmente, a parada Billboard 200 registra seus números da seguinte forma: vendas de discos, vendas de músicas em formato digital (10 músicas equivalem a um álbum) e streaming (1,5 mil plays equivalem a um álbum).

Versão nacional de HQ do Slayer é pirata, segundo site
quarta-feira, dezembro 13, 2017


O site Collectors Room, do parceiro Ricardo Seelig, apurou que o financiamento coletivo para lançar uma edição nacional da HQ do Slayer, intitulada "Repentless", não é oficial. A iniciativa teria fins de pirataria, de acordo com a publicação.

"Os responsáveis pelo crownfunding não têm autorização nem da Nuclear Blast e nem da Dark Horse Comics para publicar a revista por aqui", diz o texto. Ainda segundo o Collectors Room, as empresas buscam os responsáveis pela iniciativa para tomar as medidas cabíveis.

De acordo com press-release divulgado anteriormente, a iniciativa buscava, por meio de financiamento coletivo (crowdfunding), o lançamento nacional da HQ, que chegou aos Estados Unidos no ano passado. O quadrinho original foi feito por John Schnepp (Metalocalypse), com artes de Guiu Vilanova (Twilight Zone, Conan The Avenger).

Halford, Slash, Frehley e outros se juntam a Alice Cooper em show beneficente
quarta-feira, dezembro 13, 2017


O vocalista Alice Cooper reuniu uma série de rockstars para um show beneficente, chamado Christmas Pudding. O evento aconteceu no último sábado (9), em Phoenix, nos Estados Unidos.

Durante a apresentação, Alice Cooper convidou nomes do porte de Rob Halford, Ace Frehley, Slash, David Ellefson, Edgar Winter, Richie Faulkner e Nita Strauss, entre outros, para o palco. Os vídeos das participações já estão na internet.

O Christmas Pudding é uma realização em prol da ONG Solid Rock Teen Center, de Alice Cooper. A organização trabalha no ensino da arte a crianças e adolescentes, com foco em seu desenvolvimento.

Veja, a seguir, vídeos do show.






Morre o vocalista Warrel Dane, ex-integrante do Nevermore
quarta-feira, dezembro 13, 2017


Morreu, aos 56 anos, o vocalista Warrel Dane, ex-integrante do Nevermore e do Sanctuary.

De acordo com informações divulgadas pelo site Wikimetal, Warrel Dane faleceu devido a um infarto. O cantor estava em São Paulo.

Dane finalizava seu segundo disco solo, intitulado "Shadow Work", que seria lançado no primeiro semestre de 2018.

Bon Jovi e mais 4: Rock And Roll Hall Of Fame revela induzidos para 2018
quarta-feira, dezembro 13, 2017


A organização do Rock And Roll Hall Of Fame revelou os cinco artistas induzidos para a cerimônia de 2018. Os nomes escolhidos foram Bon Jovi, Dire Straits, The Cars, The Moody Blues, Nina Simone e Sister Rosetta Tharpe.

Nomes muito cotados para esta indução, como Judas Priest, Radiohead e Rage Against The Machine acabaram ficando de fora. O evento de homenagens acontecerá em Cleveland, Ohio, nos Estados Unidos, em 14 de abril do ano que vem.

O Bon Jovi liderou a votação popular, realizada antes da divulgação da lista oficial. Moody Blues (2°), Dire Straits (3°) e The Cars (4°), que figuraram no top 5 do voto público, também apareceram nas escolhas da curadoria. Apenas o Judas Priest, que ficou em 5°, não foi considerado no ranking aberto.

Cabe destacar que o voto popular conta como se fosse um dos outros 900 jurados envolvidos na curadoria. Ou seja: em termos numéricos, não faz tanta diferença.

terça-feira, 12 de dezembro de 2017

Steven Tyler inaugura abrigo para jovens vítimas de abuso sexual
terça-feira, dezembro 12, 2017


O vocalista Steven Tyler, do Aerosmith, inaugurou um abrigo para jovens mulheres que foram vítimas de abuso sexual. Localizado em Atlanta, nos Estados Unidos, o centro de acolhimento começou a funcionar na última quinta-feira (7).

Chamado de Janie's House, o abrigo foi o primeiro a ser inaugurado desde que Steven Tyler criou o Janie's Fund, que arrecada dinheiro em prol das vítimas de violência psicológica ou sexual. O nome do local e do fundo são inspirados na música "Janie's Got A Gun", do Aerosmith, que conta a história de uma mulher que se vinga do pai, que a abusava sexualmente.

"Nunca escrevi uma música tão bonita quanto o Janie's House... Levamos dois anos para fazer isso! Passar o dia com essas meninas... Tenho muito orgulho delas", disse Steven Tyler, no Instagram. O cantor também pediu doações para o abrigo.

O que mais Josh Homme aprontou na noite em que chutou fotógrafa
terça-feira, dezembro 12, 2017


Já é de conhecimento geral que Josh Homme, do Queens Of The Stone Age, chutou a câmera da fotógrafa Chelsea Lauren durante uma apresentação da banda, no último sábado (9), em Los Angeles. O impacto fez a profissional se ferir e acabar parando no hospital. Posteriormente, Homme pediu desculpas pelo ocorrido.

Entretanto, essa não foi a única situação bizarra e inadequada em que Josh Homme se envolveu naquela noite. Uma foto publicada por Chelsea Lauren mostrou que, minutos após o chute, Homme pegou uma lâmina e começou a cortar o próprio rosto.

O site da revista Variety publicou, ainda, que Josh Homme começou a chamar as pessoas na plateia de "retardadas". Ele também chegou a ofender a banda Muse, que seria a atração principal do evento.

"Não se sabe se Homme, de 44 anos, estava sob influência de álcool ou drogas no sábado. Em certo ponto, ele chamou a plateia de 'retardada' antes de insultar a atração principal da noite, o Muse. 'F*da-se o Muse', disse ele", afirmou a publicação.

Em outra ocasião, Josh Homme também tentou estimular algumas reações bizarras da plateia. "Ele também incentivou a plateia a vaiá-lo e pediu para que todos tirassem suas respectivas calças, dizendo: 'quero dar a vocês uma noite que vocês nunca vão se lembrar'", diz o texto da Variety.

Veja, a seguir, o vídeo que registra o chute de Josh Homme em direção à fotógrafa Chelsea Lauren.

Eddie Vedder anuncia shows solo em São Paulo para 2018
terça-feira, dezembro 12, 2017


O vocalista do Pearl Jam, Eddie Vedder, anunciou que fará dois shows solo em São Paulo. As performances acontecem nos dias 28 e 29 de março de 2018.

Ambos os shows serão realizados no Citibank Hall. Os ingressos começam a ser vendidos em 19 de dezembro, com valores de R$ 180 a R$ 880.

Além das performances solo, Eddie Vedder toca com o Pearl Jam, no Rio de Janeiro (21 de março) e em São Paulo, no festival Lollapalooza (24 de março).

Confira, a seguir, os preços dos ingressos, divulgados pelo jronalista José Norberto Flesch.

- Visão parcial - R$ 180
- Superior III - R$ 300
- Superior II e I - R$ 350
- Poltrona II - R$ 600
- Poltrona I e cadeira II - R$ 720
- Cadeira I - R$ 820
- Camarote II - R$ 850
- Camarote I e cadeira VIP - R$ 880

Os 25 artistas da música mais bem pagos de 2017
terça-feira, dezembro 12, 2017


A revista Forbes divulgou sua tradicional lista com os músicos mais bem pagos do ano. No ranking de 2017, há alguns representantes do rock, como Guns N' Roses (6°), Bruce Springsteen (8°) e Metallica (10°), embora o topo seja dominado por um rapper - Diddy está em 1° - e artistas pop venham logo em seguida - Beyoncé, Drake, The Weeknd e Coldplay ocupem da segunda à quinta posição.

O sucesso financeiro de boa parte dos artistas é oriundo das turnês. O Guns N' Roses, por exemplo, faturou muito por causa da sequência da turnê "Not In This Lifetime...Tour". Segundo a Forbes, a banda conseguiu faturar US$ 84 milhões sem contar com grandes patrocínios, nem mesmo via endorsement de instrumentos.

As extensas turnês também garantiram as altas cifras de Bruce Springsteen (8°, com US$ 75 milhões), Metallica (10°, com US$ 66,5 milhões) e Red Hot Chili Peppers (US$ 54 milhões). Já no caso de Paul McCartney, os direitos autorais de suas músicas solo e com os Beatles ajudaram no faturamento.

1. Diddy - US$ 130 milhões
2. Beyoncé - US$ 105 milhões
3. Drake - US$ 94 milhões
4. The Weeknd - US$ 92 milhões
5. Coldplay - US$ 88 milhões
6. Guns N' Roses - US$ 84 milhões
7. Justin Bieber - US$ 83,5 milhões
8. Bruce Springsteen - US$ 75 milhões
9. Adele - US$ 69 milhões
10. Metallica - US$ 66,5 milhões
11. Garth Brooks e Elton John (empate) - US$ 60 milhões cada
13. Paul McCartney e Red Hot Chili Peppers (empate) - US$ 54 milhões cada
15. Jimmy Buffett - US$ 50,5 milhões
16. Calvin Harris - US$ 48,5 milhões
17. Taylor Swift - US$ 44 milhões
18. Kenny Chesney - US$ 42,5 milhões
19. Luke Bryan, Celine Dion e Jay-Z (empate) - US$ 42 milhões cada
22. Tiesto e Bruno Mars (empate) - US$ 39 milhões cada
24. The Chainsmokers e Jennifer Lopez (empate) - US$ 38 milhões cada