sexta-feira, 23 de maio de 2014

Corey Taylor tira sarro de Sebastian Bach e Scott Ian
sexta-feira, maio 23, 2014


Durante um roast ocorrido no Monster Energy Roast On The Rage, ocorrido na semana passada, o vocalista Corey Taylor (Slipknot, Stone Sour), criticou o também cantor Sebastian Bach e o guitarrista Scott Ian (Anthrax), bem como a esposa deste, Pearl Aday.

Sobre Sebastian Bach, Taylor disse que o conhece há muito tempo e sabe que ele é um cara do metal. "Nada é mais metal do que ele participar dos reality shows Gone Country e Celebrity Rap Superstar. Sebastian, você disse que o Stone Sour estimula gravidez na adolescência. Mas ao menos minhas músicas fazem com que as pessoas queiram transar. As suas levam o povo a querer abrir o elevador forçadamente".

Quando o assunto foi Scott Ian, Taylor disparou até mesmo contra o programa "That Metal Show", da VH1. "É incrível que Scott e Sebastian ainda estejam aqui por conta daquele reality show Supergroup. Deve ter empatado em audiência com o That Metal Show. Quando o Anthrax tocou no Big 4, foi a única chance que Scott Ian teve de ser chamado de grande. O nome Big 4 só foi usado porque 'Big 3 e uns caras que precisam muito dessa brecha' não cabia nas camisetas".

Sobrou também para Pearl Aday, esposa de Scott Ian. "Ela é musicista, mãe e esposa. Isso prova que as mulheres podem ter tudo, menos um marido bonito. Ela se casou com Scott porque, depois de ser filha de Meat Loaf, ela queria distância de músicos famosos".

Vale ressaltar que o roast tem intenção humorística e é carregada de sarcasmo e deboche. Mas sabemos que toda brincadeira tem um fundo de verdade.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.