segunda-feira, 16 de junho de 2014

Nova lista revela cachês de bandas de rock e metal
segunda-feira, junho 16, 2014


Os sites BusinessInsider e CelebrityTalent elaboraram uma lista que mostra os custos para contratação de bandas de rock e metal. 

A lista foi publicada como uma espécie de resposta a outra, divulgada pelo site Priceonomics, de acordo com informações obtidas por pessoas ligadas à produtora de shows Degy Entertainment. 

De acordo com os sites que divulgaram a nova lista, os valores que estão dispostos abaixo são mais atualizados. Os preços são determinados para shows nos Estados Unidos - fora da terra do Tio Sam, o custo pode aumentar. Além disso, não estão inclusos pagamentos em relação a passagens, hospedagens e empresários. 

Confira abaixo: 

US$1 milhão a US$1,5 milhão: 

Aerosmith
Nickelback
The Black Keys
Rolling Stones

US$750 mil a US$999 mil: 

Blink-182
Muse
Rage Against The Machine
Red Hot Chili Peppers

US$500 mil a US$749 mil: 

Faith No More
Kid Rock
Linkin Park

US$350 mil a US$499 mil: 

Alice In Chains
Kiss
Soundgarden
Stone Temple Pilots
ZZ Top

US$250 mil a US$349 mil: 

311
Billy Idol
Evanescence
Foo Fighters
Godsmack
Limp Bizkit
Queens Of The Stone Age
Rise Against
Shinedown
Tool
Van Halen
Weezer

US$150 mil a US$249 mil: 

3 Doors Down
Chris Cornell
Creed
Heart
Incubus
Korn
Nine Inch Nails
Ozzy Osbourne
Pixies
Radiohead
Smashing Pumpkins
Them Crooked Vultures
Whitesnake

US$100 mil a US$149 mil: 

Black Sabbath
Boston
Cake
Deep Purple
Iggy Pop
Primus
Puddle Of Mudd
Staind
Styx
Sublime
Tomahawk

US$75 mil a $100 mil: 

Mastodon

US$50 mil a US$75 mil: 

Hoobastank
P.O.D.
Rob Zombie

US$30 mil a US$50 mil: 

Lostprophets
Slayer

US$20 mil a US$29 mil: 

Megadeth
Quiet Riot
Rollins Band
Volbeat

US$10 mil a US$19 mil: 

Alien Ant Farm
Andrew WK
Bloodhound Gang
Bring Me The Horizon
Filter
Rival Schools
Serj Tankian
Suicidal Tendencies
Travis Barker
Warrant
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.