quarta-feira, 25 de junho de 2014

Polêmico, Bruce Dickinson define punk como "lixo"
quarta-feira, junho 25, 2014


Durante uma polêmica entrevista concedida ao The Guardian, com críticas ao Judas Priest e uso de teleprompters, o vocalista Bruce Dickinson, do Iron Maiden, também disparou contra o punk.

O cantor acredita que o heavy metal nunca chegou a ter apoio da famigerada "elite" da arte, porque é um gênero autônomo e incontrolável. Para ele, o mais pesado que chegou a essa "elite" foi o punk.

"O punk era um lixo, então poderia ser controlado por essa elite. Tratava-se de um monte de caras que não sabiam tocar e permitiam essa manipulação, pois ficavam calados, apenas faturando", afirmou.

Dickinson foi além: disse que os punks sonhavam em ser músicos de metal. "Aqueles rapazes na verdade queriam estar em uma banda de heavy metal, com muitas estrelas pornô em volta deles", disparou.

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.