quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Sharon Osbourne dá conselhos para bandas e artistas que buscam a fama
quinta-feira, agosto 28, 2014


A empresária Sharon Osbourne é responsável direta pelo sucesso da carreira solo de seu marido, o vocalista Ozzy Osbourne. Ela colocou o Madman na linha e, passo a passo, trabalhou para que ele se tornasse um grande nome longe do Black Sabbath, além de outros músicos que empresariou.

Desta forma, ninguém melhor do que a esposa de Ozzy para dar conselhos para artistas e bandas que estão atrás da fama e do reconhecimento. Durante entrevista concedida à revista Kerrang, Sharon Osbourne deu cinco dicas para conquistar um lugar ao sol:

1°) Cobre o seu empresariado: "O empresário deve lutar pelos interesses de seu artista e, ao mesmo tempo, fazer com que ele seja fiel às obrigações. Ele também deve ficar longe das pressões do mundo dos negócios".

2°) Seja o lado da razão: "Artistas costumam ser sensíveis. Nem sempre estão certos em seus lados da carreira. O empresário deve avaliar a situação de forma macro, fria e calculista".

3°) Nunca cancele shows com baixo público: "Implorei a promotores para que não cancelassem shows de Ozzy pelo baixo público. Ele estava começando. Se a banda toca com o coração, mesmo que só para 50 pessoas, eles se tornarão fiéis. Da próxima, trarão amigos e pode ter alguém de alguma rádio ou loja de discos, é um contato. Melhor fazer o show do que cancelar, pois a estrutura já estará montada e é paga com antecedência".

4°) Mantenha contato com quem se relaciona com o público: "Não gosto de representantes de gravadoras, ainda mais no meu caso, pois não gostam de ouvir mulheres. Gosto de lidar com quem está na rua, como os vendedores de discos e locutores de rádio. Eles que te farão estourar".

5°) Invista a ponto de fazer sacrifícios: "Moramos em um ônibus por dois anos. O dinheiro que usávamos para promover a carreira de Ozzy era de nossos próprios bolsos. Queríamos transformá-lo em uma figura, o que ele não era no Black Sabbath".
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.