sexta-feira, 26 de setembro de 2014

Conheça jogadores de futebol que entraram para o mundo da música
sexta-feira, setembro 26, 2014


Os mais jovens devem estranhar, por exemplo, o envolvimento do atacante Neymar Jr. com alguns músicos - ele foi o responsável pelo estouro de canções ao dançar a coreografia das mesmas após fazer algum gol - ou o fato do meia Ronaldinho Gaúcho ter gravado uma música de pagode recentemente.

Mas o envolvimento de jogadores de futebol com a música é antigo e curioso. A lista abaixo mostra quatro jogadores de futebol que se aventuraram no mundo musical. Os resultados são surpreendentes.

Ronaldo Giovanelli: O histórico goleiro do Corinthians foi um dos atletas que mais defenderam a camisa do clube paulista ao longo dos anos: foram 601 partidas. Mas ainda quando estava em atividade no mundo do futebol, em 1996, Ronaldo montou uma banda de rock, chamada Ronaldo e os Impedidos, em que ele é o vocalista. O primeiro disco do grupo vendeu mais de 60 mil cópias e emplacou a música "O nome dela" nas rádios. Quatro anos atrás, a banda se reuniu, fez alguns shows e até lançou uma canção inédita, "Onde está o rock n roll". Vale a pena conferir o rock n roll do Ronaldão.



Pelé: O eterno rei do futebol também deixou a sua marca no mundo musical. No ano em que chegou ao seu milésimo gol, o meia-atacante cantou em um compacto de duas faixas com ninguém menos que Elis Regina. As músicas "Vexamão" e "Perdão Não Tem" integram o lançamento, chamado "Tabelinha". Ouça abaixo uma das canções da aventura do rei do futebol pela MPB:



Alexi Lalas: Mais um representante do rock! O zagueiro Alexi Lalas se consagrou pela seleção dos Estados Unidos durante a Copa do Mundo de 1994 não só pela força física e resistência, mas também pelo visual diferente para um jogador de futebol: barba e cabelão. Cantor, Lalas lançou um disco em 1996, quando ainda estava em atividade no mundo do futebol. Seu estilo tem um pouco do punk rock e até do alternativo que viria a explodir no mainstream anos depois.



Seedorf: O meia holandês, ídolo do Milan e do Botafogo, se aposentou em 2013 para assumir o comando técnico do time italiano. Não deu muito certo: foi demitido com apenas 22 jogos. Mas caso ele se arrependa da carreira de treinador, pode arriscar na música. Dono de uma voz para lá de gostosa, Seedorf já gravou algumas músicas em 2007 para um álbum beneficente. Ele ainda não gravou nada autoral, mas o cover de "Sittin On The Dock Of The Bay" (Otis Redding) pode ser ouvido abaixo:

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.