sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Formação clássica do Guns N' Roses pode fazer show em Portugal, diz revista
sexta-feira, outubro 16, 2015


A formação clássica do Guns N' Roses pode voltar à ativa. A reunião do vocalista Axl Rose com os guitarristas Slash e Izzy Stradlin, o baixista Duff McKagan e o baterista Steven Adler, inclusive, já teria preço: US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 5,7 milhões) para um show de duas horas. 

De acordo com uma reportagem no site da revista portuguesa Blitz, negociações para trazer a formação clássica do Guns N' Roses para Portugal estariam em curso. A publicação diz que a intenção é trazer os músicos para um show em um "grande festival" do país, no primeiro semestre de 2016. 

O nome do evento não foi divulgado, mas só há um festival de grande porte em Portugal no primeiro semestre de 2016: o Rock In Rio Lisboa, que acontece nos dias 20, 21, 26, 27 e 28 de maio. Os outros dois já agendados no país (NOS Alive e Super Bock Super Rock) só começam em julho. 

Obviamente, ninguém confirma a informação. No entanto, recentemente, Slash revelou que havia feito as pazes com Axl Rose. Pouco tempo depois, dois dos atuais guitarristas da banda, DJ Ashba e Ron "Bumblefoot" Thal, foram desligados da formação atual. O jornal britânico The Independent especula que, caso aconteça, uma turnê de reunião do line-up clássico do Guns N' Roses poderia gerar receitas de 77 milhões de euros (cerca de R$ 336 milhões). 
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.