terça-feira, 17 de novembro de 2015

Tragédia em Paris divulga boa banda; conheça o Eagles Of Death Metal
terça-feira, novembro 17, 2015


O Eagles Of Death Metal era apenas uma banda de Josh Homme (Queens Of The Stone Age) com Jesse Hughes. O duo existe desde 1998 e lançou quatro álbuns - o mais recente, "Zipper Down", saiu no mês passado.

Em função da dedicação de Josh Homme ao Queens Of The Stone Age, o Eagles Of Death Metal quase nunca esteve sob os holofotes. Homme, aliás, raramente está com o grupo nos palcos - ele, basicamente, só grava a bateria dos discos. Costumeiramente, Jesse Hughes tem diferentes músicos adicionais nos shows. Homme, por exemplo, nem está na atual turnê do grupo.

A tragédia em Paris elevou a popularidade da banda, que sempre funcionou como projeto paralelo. É verdade que isso aconteceu em um contexto negativo e sem relação com a música, mas o nome Eagles Of Death Metal esteve nos principais portais de notícias do mundo.

Apesar da infelicidade ocorrida, o fato serve como combustível para dar maior vazão ao trabalho da banda. "Zipper Down" é um grande disco e os antecessores não ficam muito atrás.

Em uma proposta até minimalista, o Eagles Of Death Metal aposta em um garage rock direto, mas bem produzido. Josh Homme não é, nem de longe, um grande baterista - toca o básico, usa bem a pandeireta e acompanha Jesse Hughes, que, enquanto frontman, é ótimo.

Não espere as viagens sonoras ou o peso do Queens Of The Stone Age. O Eagles Of Death Metal aposta em músicas de três minutos, formatos pré-estabelecidos e ganchos melódicos já manjados. Ou seja, é canastrão e muito divertido.

Alguns destaques da discografia do Eagles Of Death Metal:









Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.