segunda-feira, 11 de abril de 2016

Em crítica, jornalista da Folha diz que Coldplay quer ser Asa de Águia
segunda-feira, abril 11, 2016


Um texto feito pelo jornalista Thales de Menezes, para o jornal Folha de S. Paulo, fez duras críticas à banda Coldplay. A resenha tratou da apresentação feita pela banda na noite de quinta-feira (7), que reuniu cerca de 45 mil pessoas no Allianz Parque, em São Paulo (SP).

Durante a crítica, o jornalista afirmou que a apresentação foi como uma "micareta com roteiro em inglês" e que o Coldplay quer "ser o Asa de Águia", em menção à banda brasileira de axé. Ainda segundo o texto, o grupo britânico tem a preocupação em "fazer todo mundo pular", mesmo durante "Yellow", música que é considerada uma balada por ter menos agitação em ritmo e melodia.

Em outro ponto do texto, o jornalista destaca que o pop está tomando conta do som do Coldplay, o que, como resultado, fez com que as músicas apresentassem dois problemas: "o rock é pouco e frouxo, o pop é crescente, mas sem brilho algum". Ele afirma, também, que a cantora Taylor Swift já soa mais "rocker" que o grupo.

Para o crítico, o único ponto de impacto na apresentação do Coldplay em São Paulo foi o conjunto de elementos visuais, como lasers, pulseiras eletrônicas que mudam de cor distribuídas para o público, balões coloridos e disparo de papeis picados. "Com tanta cor e pirotecnia, o show fica maior do que realmente é", diz o texto.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.