quinta-feira, 16 de junho de 2016

Ouça a bateria isolada de Dave Grohl no Nirvana, Foo Fighters e QOTSA
quinta-feira, junho 16, 2016


Meu primeiro contato com o trabalho de Dave Grohl foi pelo Foo Fighters, há quase 15 anos. Já conhecia Nirvana, mas não fazia ideia de quem era Grohl - só sabia de Kurt Cobain.

Quando soube que Dave Grohl, o bom frontman do Foo Fighters, era um excelente baterista no Nirvana - e ainda havia tocado bateria em ótimas músicas do FF -, sempre pensava em como Grohl estava desperdiçado na guitarra e nos vocais. Era bom, mas não era excelente.

Para mim, Dave Grohl só atingiu um nível de excelência como cantor, guitarrista e compositor em "Wasting Light". Antes disso, ele arrebentou como baterista do Queens Of The Stone Age e do Them Crooked Vultures, além de outros projetos.

Hoje, consigo compreender que Dave Grohl faz bem em ficar como frontman - é uma figura em falta no rock. Mas Grohl sabe que é ainda melhor como baterista e talvez seja por isso que volta e meia ele assume as baquetas em ocasiões importante.

Abaixo, separei a bateria de Dave Grohl isolada em músicas do Nirvana, do Foo Fighters e do Queens Of The Stone Age. Vale a pena conferir.

"Smells Like Teen Spirit" (Nirvana):




"Lithium" (Nirvana):




"In Bloom" (Nirvana - com o baixo):




"Heart-Shaped Box" (Nirvana):




"All Apologies" (Nirvana):




"Breed" (Nirvana):




"Monkey Wrench" (Foo Fighters):




"Everlong" (Foo Fighters - apesar de Taylor Hawkins estar na imagem do vídeo, quem toca é Dave Grohl):




"No One Knows" (Queens Of The Stone Age):




"Song For The Dead" (Queens Of The Stone Age):




"Go With The Flow" (Queens Of The Stone Age):

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.