sexta-feira, 24 de junho de 2016

Ouça a guitarra isolada de Eddie Van Halen em 15 músicas
sexta-feira, junho 24, 2016


Eddie Van Halen foi um dos últimos guitarristas realmente diferenciados da história. Inúmeros músicos competentes surgiram nas décadas seguintes, mas poucos tiveram o mesmo impacto de Eddie.

Na mesma prateleira de gênios como Jimi Hendrix e Eric Clapton, Eddie Van Halen foi capaz de influenciar uma geração inteira. O rock da década de 1980 foi construído a partir de seu estilo de tocar guitarra, com uso de alavanca Floyd Rose e da revolucionária técnica de tapping.

A própria música pop da época se tornou mais Van Halen, ao adotar guitarras com o estilo dele. Nem mesmo Michael Jackson passou ileso dessa onda: "Beat It" tem um solo com a marca de Eddie.

Para Eddie Van Halen, não basta ser muito bom. Tem que fazer história. Ouça abaixo a guitarra isolada de EVH em 15 músicas:

"Panama":


"Jump" (com teclados):


"Unchained":


"Hot For Teacher":


"Beat It" (Michael Jackson - e, sim, Eddie Van Halen toca apenas o solo, as demais trilhas de guitarra são de Steve Lukather e Paul Jackson Jr.):


"Ain't Talkin' 'Bout Love":


"Runnin' With The Devil":


"Beautiful Girls":


"I'm The One":


"Mean Street":


"Pretty Woman":


"Dance The Night Away":


"Little Guitars":


"Feel Your Love Tonight":


"Jamie's Cryin'":

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.