terça-feira, 12 de julho de 2016

Participantes denunciam maus-tratos durante audições do "X Factor Brasil"
terça-feira, julho 12, 2016


Aconteceu, no último fim de semana, a primeiro etapa de audições para o reality show musical "X Factor Brasil", da TV Band. O que era para ser a realização de um sonho para muitos, porém, tornou-se uma espécie de pesadelo.

Pela internet, centenas de cantores que participaram da seleção, em São Paulo (SP), reclamaram de maus-tratos por parte da produção do programa. Os aspirantes às vagas do reality show disseram que as filas eram imensas. Muitos candidatos ficaram expostos, inicialmente, ao frio da madrugada e, depois, ao sol forte, sem espaços com sombras ou tendas.

Os relatos mais comuns são de pessoas que chegaram entre 6h e 8h e só foram ouvidas entre 10 e 14 horas depois - ou seja, já à noite ou até mesmo na madrugada do dia seguinte.

Outras reclamações estão relacionadas à falta de banheiros para os participantes. Segundo relatos de internautas que estiveram no local, apenas seis banheiros químicos estavam à disposição para cerca de 15 mil pessoas que estiveram em cada dia da seleção. A produção ainda fará novas audições para filtrar quem vai estar, de fato, no programa de TV.

No Facebook, a página do "X Factor Brasil" foi tomada por críticas. Os relatos são distintos, mas convergem para a acusação de que a produção do programa não ofereceu condições mínimas para os participantes das audições.

Em comunicado, a assessoria da TV Band disse estar ciente dos problemas que acontecem durante a audição. No entanto, não há uma definição se haverá uma nota pública com relação ao evento.

Veja também:

Assista a 10 estrangeiros que cantaram músicas brasileiras no "The Voice" de outros países
Os motivos pelos quais cantores de reality shows não fazem sucesso
Drag queen brasileira canta no "The Voice" da Irlanda e é aprovada
Opinião: Reality show "SuperStar" fracassa, mas deixa pequeno legado
Categoria:
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.