sábado, 6 de agosto de 2016

Clint Eastwood fala de "geração bunda-mole" e Flea, do RHCP, responde
sábado, agosto 06, 2016


Temos uma nova treta no mundo do showbizz. O embate agora é entre o ator Clint Eastwood e o baixista Flea, do Red Hot Chili Peppers.

Em uma recente entrevista à revista Esquire, Clint Eastwood deu sua opinião sobre o político conservador Donald Trump, que concorre à presidência dos Estados Unidos. Eastwood não escondeu que apoia o candidato.

"Trump é coerente porque, secretamente, todos estão de saco cheio do jeito certinho da política, puxando saco. É a geração de puxa-sacos em que vivemos. Estamos vivendo em uma geração de bundas-moles. Todos pisando em ovos. Estamos vendo as pessoas acusando outras pessoas de serem racistas e outras coisas. Quando eu cresci, essas coisas não eram chamadas de racismo", afirmou.

Flea respondeu à declaração de Clint Eastwood por meio de seu perfil na rede social Twitter. O baixista, que já se mostrou indignado com afirmações de Donald Trump e até mesmo com a situação atual da política americana, também não economizou ao rebater Eastwood.

"Hey Clint Eastwood, pode contar comigo como um bunda-mole enquanto tentamos evoluir e passar por cima do racismo", disse Flea.

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.