sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Ed Sheeran é acusado de plágio em "Thinking Out Loud"
sexta-feira, agosto 12, 2016


Ed Sheeran voltou a ser acusado de plágio. Desta vez, a música alvo da alegação é o seu maior hit, "Thinking Out Loud".

A acusação foi feita pela família de Ed Townsend, co-autor da música "Let's Get It On", de Marvin Gaye, lançada em 1973. A ação foi registrada na corte federal do Distrito do Sul de Nova York. O valor pedido por indenização não foi divulgado.

De acordo com a família de Ed Townsend, "Thinking Out Loud" tem muitas semelhanças com "Let's Get It On" no que diz respeito a progressões harmônicas, melódicas e rítmicas. "Copiaram o coração de 'Let's Get It On' de forma repetida e contínua por 'Thinking Out Loud'", afirma a defesa de Townsend.

Compare:





Não é a primeira vez que Ed Sheeran é acusado de plágio. Recentemente, ele foi notificado por Martin Harrington e Thomas Leonard, que pedem US$ 20 milhões pelos direitos autorais da música "Photograph". Harrington e Leonard afirmam que Sheeran copiou a música "Amazing", lançada por Matt Cardle e composta por eles.

Também não é a primeira vez que uma música de Marvin Gaye, falecido em 1984, está envolvida em uma ação de direitos autorais. No início do ano passado, Robin Thicke e Pharrell Williams foram condenados a pagar US$ 7,5 milhões por plágio. A justiça decidiu que eles se "inspiraram excessivamente" na música "Got To Give It Up", de Gaye, enquanto compunham "Blurred Lines". O processo foi movido pela família do cantor americano.
Categoria:
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.