segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Kai Hansen escolhe seis discos com guitarras "essenciais"
segunda-feira, setembro 26, 2016


Em entrevista à TeamRock Radio, Kai Hansen (Gamma Ray) escolheu seis discos que, em sua opinião, contam com performances de guitarra essenciais. Entre as escolhas, estão álbuns de Judas Priest, Deep Purple, Scorpions e mais.

Veja as escolhas de Kai Hansen, com um resumo do comentário dele para cada disco:

UFO – Strangers In The Night (1979)

"Michael Schenker toca de forma brilhante neste disco. Não me importa que algumas faixas tenham sido tocadas em estúdio, com barulho de plateia por trás - encaro como um álbum ao vivo, sinto que é desta forma."



Rainbow – On Stage (1977)

"Se você curte o som de uma Stratocaster, mr. Blackmore é o mestre. O que eu mais gosto aqui é das jams."



Deep Purple – Made In Japan (1972)

"Cresci ouvindo este álbum, apesar de admitir que das primeiras vezes não o compreendi completamente. Era meio progressivo, o que eu não esperava. Blackmore me influenciou muito como guitarrista."



Scorpions – Tokyo Tapes (1978)

"Para mim, há duas versões do Scorpions. Existe a banda feita para a MTV, com Rock You Like A Hurricane e Bad Boys Running Wild na década de 80, e há a banda de antes. Gosto mais dos discos da década de 70. Tem algo prog ali e era menos estruturado, sem buscar tanto por um single."



AC/DC – If You Want Blood You’ve Got It (1978)

"Conheci este álbum de forma estranha. Eu era uma criança, indo para a esocla de bicicleta, até que parei em um sinal e próximo a mim estava um garoto que ouvia uma música incrível. Não sabia o que era e não foi fácil encontrar. Até que soube que era o AC/DC, que foi descrito a mim como 'uma banda punk da Austrália'."



Judas Priest – Unleashed In The East (1979)

"Sei que alguns chamam de 'Unleashed In The Studio', mas f*da-se. Tinha um real espírito ao vivo e a parceria entre Glenn Tipton e KK Downing era especial. Você quer saber algo sobre heavy metal? Você precisa de uma cópia de 'Unleashed In The East'. Simples assim."

Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.