sexta-feira, 9 de setembro de 2016

"Meus discos com o Iron Maiden passarão pelo teste do tempo", diz Blaze Bayley
sexta-feira, setembro 09, 2016


O vocalista Blaze Bayley disse, em entrevista ao podcast "One On One With Mitch Lafon", que acredita que seus discos com o Iron Maiden "passarão pelo teste do tempo". Com a banda, ele gravou "The X Factor" (1995) e "Virtual XI" (1998).

"Muitas pessoas são honestas e dizem 'não gostei na época, mas escutei anos depois e comecei a compreender'. É um sentimento ótimo e me considero privilegiado por ter feito parte daquilo, em tempos de tantas mudanças na indústria e na própria banda. Acho que esses discos passarão pelo teste do tempo e terão sempre um significado mais profundo. Estou feliz por isso", disse.

Blaze Bayley disse, ainda, que seu período com o Iron Maiden foi, realmente, o início da fase progressiva deles. "Não havia nenhuma música escrita antes de eu entrar. Começamos a trabalhar juntos e Steve (Harris, baixista) ouviu a minha voz. Ele fez as músicas com a minha voz em mente. E é por isso que penso que músicas como 'Sign Of The Cross' e 'The Clansman' se saíram tão bem. Creio que aqueles discos fazem uma mudança de tudo que veio antes de 'Somewhere In Time' (1986) para algo obscuro, progressivo", afirmou.

Veja também:

- Iron Maiden tem game gratuito para celulares
- Opinião: Vá para casa, Paul Di’Anno
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.