sexta-feira, 21 de outubro de 2016

"Ronnie James Dio aprovaria o Last In Line", diz Vivian Campbell
sexta-feira, outubro 21, 2016


O guitarrista Vivian Campbell afirmou, em entrevista ao podcast "Talk Is Jericho", que Ronnie James Dio aprovaria o seu projeto, Last In Line. A banda presta tributo ao falecido vocalista, além de lançar material autoral.

"Ronnie morreu em 2010 e acho que, quando aconteceu, consegui olhar para tudo de uma forma diferente. Passei a pensar, 'esta é a nossa herança, tanto quanto era dele'. E acho que ele aprovaria este trabalho. Acho que ele está em algum lugar sorrindo para nós", afirmou.

- Veja também: Last In Line lança um dos discos de destaque do heavy metal em 2016

Vivian Campbell trabalhou com Ronnie James Dio na década de 1980, mas desde que saiu da banda do vocalista, não se deu bem mais com ele. O músico relembrou o motivo pelo qual saiu do grupo.

"Fizemos os três primeiros discos coletivamente. Ronnie dizia que queria uma banda, com produção coletiva. A banda se chamava Dio, óbvio, pelo reconhecimento. E ele dizia que eu trabalharia por salário, mas a criação seria conjunta. Por isso, pensava que a partir do terceiro disco, as coisas seriam distribuídas igualmente, mas não aconteceu. Ele até queria que fosse uma banda, mas sua ex-esposa, Wendy, queria que ele fosse uma rtista solo", afirmou.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.