terça-feira, 19 de setembro de 2017

Bon Jovi reconhece que está indo mais devagar
terça-feira, setembro 19, 2017


O Bon Jovi tem mais de três décadas de carreira. E seus integrantes estão sentindo que o momento atual é adequado para "pisar no freio", mesmo vivenciando uma nova fase, com um integrante diferente em sua formação - Phil X no lugar de Richie Sambora.

Foi, ao menos, o que disse o baterista Tico Torres, em entrevista ao jornal "O Estado de S. Paulo". "Estamos indo mais devagar, mesmo", afirmou o músico.

A reportagem destaca que o último ano em que o Bon Jovi fez mais de 100 apresentações em um ano (incluindo performances musicais na TV) foi em 2013. E esse número não deve se repetir, mesmo em um novo ciclo de divulgação - que, hoje, promove o álbum "This House Is Not For Sale".

"Pensa nisso: 100 performances em um ano. Isso é muita coisa. E quando chega ao fim, estamos esgotados. Acho que faz sentido, depois de tanto tempo, temos a possibilidade de sermos mais seletivos. Afinal, você precisa ter tempo para ser uma pessoa comum. É isso que faz com que a gente consiga produzir boas canções, afinal. Não é?", disse Tico.

- Leia: Novo disco "This House Is Not For Sale" mostra banda melhor, mas ainda mediana
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.