sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Steel Panther não se sentiu bem durante turnê com Mötley Crüe
sexta-feira, outubro 20, 2017


O baterista Stix Zadinia revelou que os músicos do Steel Panther não se sentiram bem-vindos durante a turnê realizada com o Mötley Crüe, em de 2011. A afirmação foi feita em entrevista à Music Life Magazine.

O Crüe é citado como o único caso parecido na trajetória do Steel Panther, que já excursionou com nomes do porte de Def Leppard e Judas Priest. "Tommy Lee e Nikki Sixx não gostaram quando fizemos turnê com eles em 2011. E foi a única vez que não nos sentimos bem-vindos", contou.

O músico tentou encontrar uma explicação para que isso tenha ocorrido. "Acho que eles pensavam que estávamos tirando sarro deles de forma direta. E só posso inferir que os egos sejam muito grandes, porque nada era direto a eles. Mas fizemos a turnê, foi ótimo e tudo correu bem", afirmou.

- Opinião: O que seria do Steel Panther sem a zoeira?

Apesar do entrevero com o Mötley Crüe, Stix Zadinia crê que o Steel Panther seja bem aceito nos dias de hoje. "O Judas Priest nos levou para uma turnê e agora estamos com o Stone Sour, uma banda pesada que é levada muito a sério. Corey (Taylor, vocalista do Stone Sour) é um grande fã nosso e todos os caras são muito legais. Se um cara como Corey Taylor, que está no Slipknot e no Stone Sour, pode gostar do Steel Panther, então acho que até o fã mais hardcore de metal pode nos dar uma chance", disse.

Stix Zadinia também fez elogios ao Def Leppard. "O Leppard nos apoiou completamente. Foram incríveis e, não estou brincando, no primeiro dia de turnê, eles sabiam todos os nossos nomes. E quando você é do Def Leppard, você não precisa disso. É uma prova do tipo de caras que eles são, todos eles. Tanto eles quanto a equipe foram muito generosos", disse.

No ano passado, o baixista Nikki Sixx, do Mötley Crüe, disse ao Music Feeds que o Steel Panther não representa seu tipo de música. "É sobre mim pessoalmente, não sei. Muitos acham engraçado, que eles são uma banda de humor. Mas não é a minha praia. Levo a minha música um pouco mais a sério", afirmou, na ocasião.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.