sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Josh Homme cita Malcolm Young como grande influência do QOTSA
sexta-feira, novembro 24, 2017


O vocalista e guitarrista do Queens Of The Stone Age, Josh Homme, citou Malcolm Young, guitarrista do AC/DC falecido no último sábado (18), como uma de suas grandes influências, especialmente nos primeiros tempos de sua banda. A afirmação foi feita em entrevista à Mojo.

Segundo Josh Homme, Malcolm Young foi sua grande referência quando ele deixou o Kyuss para integrar o Screaming Tress. Nesta banda, capitaneada por Mark Lanegan, Josh tocava a guitarra rítmica e precisava desempenhar um estilo um pouco diferente.

- Veja: O triste fim e o legado de Malcolm Young, o arquiteto do AC/DC

"Queria ver como é tocar somente uma coisa até você se perder em transe. Tocar uma nota é muito mais difícil do que tocar 50. Foi o que aprendi (no Screaming Trees), porque eu tocava base, tentava soar como Malcolm Young, tocando um riff como um robô", afirmou.

Além de influenciar o período de Josh Homme no Screaming Trees, a sonoridade de Malcolm Young também foi importante no início do Queens Of The Stone Age. "Então, estava com o primeiro disco do Queens composto, aquela coisa de transe robótico, então meu amigo Hutch, nosso engenheiro de som que me apresentou tantas bandas, me mostrou Can, Neu!, Wire... eu fiquei tipo 'o quê?' e me desanimei bastante", disse, em menção a bandas de krautrock que acabaram influenciando ainda mais o som do QOTSA.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.