terça-feira, 6 de março de 2018

Grafiteiro é detido por fazer mural de Lemmy, do Motörhead
terça-feira, março 06, 2018

Foto: Lea Suzuki / The Chronicle
O grafiteiro Wes Winship foi preso alguns anos após ter feito uma arte na Ocean Beach, San Francisco, nos Estados Unidos, em homenagem a Lemmy Kilmister, líder do Motörhead. O desenho foi feito no fim de 2015, pouco após Winship ter ficado sabendo do falecimento de Lemmy.

Wes Winship acabou não sendo pego quando fez a arte, no entanto, no último mês de dezembro de 2017, ele foi ao local do desenho com um amigo, Cory Weisskirk, para realizar alguns retoques. Graças a isso, os dois foram detidos pelo National Park Service sob acusação de vandalismo.
Foto: Lea Suzuki / The Chronicle
A dupla foi multada em US$ 2,5 mil em restituição, além de ter passado algumas horas na prisão. "Fiquei p*to pelo quanto isso foi absurdo. Era grafite em cima de grafite, e há muitos fãs (do mural). É um tributo a um homem morto", afirmou, em entrevista ao SFGate.

A situação foi parar na Justiça e só chegou ao fim na última quinta-feira (1°), quando o juiz anulou o caso. A multa foi mantida.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.