segunda-feira, 19 de março de 2018

Co-empresário diz que James Hetfield é grande por dialogar com grupos ignorados
segunda-feira, março 19, 2018


Durante um debate International Live Music Conference (ILMC) em Londres (Inglaterra), repercutido pela Billboard, o co-empresário do Metallica, Peter Mensch, falou sobre a manutenção da popularidade da banda. Segundo ele, o frontman do grupo, James Hetfield, se comunica com um grupo de pessoas que era ignorado até então.

"James Hetfield fala com um grupo de pessoas com a qual não se falava antes. É uma das razões pelas quais o Metallica é tão grande agora. Ninguém está sequer perto deles", disse Mensch.

Metallica: 7 composições que mostram como James Hetfield é bom letrista

O co-empresário, então, elaborou um pouco melhor a sua afirmação. "Se o rock pesado é sobre perder suas inibições e frustrações, James Hetfield, ainda nos dias de hoje... suas letras são raivosas pra c*ralho. Ele é impulsionado pelo ódio", pontuou.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.