terça-feira, 10 de abril de 2018

Dave Grohl ajudou Mike Shinoda a lidar com perda de Chester
terça-feira, abril 10, 2018


Mike Shinoda, integrante do Linkin Park, afirmou que Dave Grohl, líder do Foo Fighters e ex-Nirvana, o ajudou a lidar com a perda do vocalista Chester Bennington, que cometeu suicídio no ano passado. A revelação foi feita em entrevista à rádio Alt 98.7 (transcrição via NME).

Cabe destacar que Dave Grohl passou por situação semelhante à de Mike Shinoda. Em 1994, quando Grohl ainda integrava o Nirvana, o frontman da banda, Kurt Cobain, também tirou a própria vida.

Os 10 discos que mudaram a vida de Mike Shinoda

Shinoda revelou que tem conversado com amigos que passaram por perdas, citando, também, Chino Moreno, vocalista do Deftones. "Percebo que não sou invencível e não tomarei sempre as decisões corretas. Prometo que cometerei erros ao longo do caminho e está tudo bem para mim. Desde que eu siga meu caminho e o descubra enquanto isso, sinto que isso ajuda a aproximar as pessoas", afirmou.

Em seguida, Mike Shinoda citou, especificamente, a ajuda de Kurt Cobain. "Se estou do outro lado e vejo alguém indo bem, como Dave Grohl após o Nirvana, o vendo fazer a coisa e criar o Foo Fighters do nada... é onde você percebe que pode ser feito e parece heroico", disse.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.