sábado, 28 de abril de 2018

Ex-baixista pediu para abrir shows do Guns N' Roses, mas ficou no vão
sábado, abril 28, 2018


O baixista Tommy Stinson, que integrou o Guns N' Roses de 1998 a 2016, revelou ter pedido para participar da turnê "Not In This Lifetime... Tour", de sua ex-banda, que marcou o retorno de Duff McKagan à vaga dele e do guitarrista Slash. Em entrevista ao podcast Appetite For Distortion (transcrição via Alternative Nation), o músico contou que tentou entrar na jogada como atração de abertura, com algum de seus projetos.

"Serei honesto com você, realmente joguei isso para trás há algum tempo (risos). Porque eu imaginei: não faz mal perguntar, certo? Ainda somos amigos. Mas, não, nunca ouvi nada de volta, o que está ok, entendo completamente, estão fazendo suas coisas e tudo o mais. Nunca se sabe, algo pode acontecer, certo?", afirmou, destacando que não recebeu retorno após ter feito a proposta.

- Tommy Stinson, o baixista que mais tempo ficou no Guns N' Roses

Ainda durante a entrevista, Tommy Stinson contou sobre a ocasião em que conheceu Duff McKagan. O lendário baixista do Guns N' Roses chegou a assumir a vaga de Stinson durante alguns shows realizados em 2014, que passaram, inclusive, pelo Brasil.

"Eu me encontrei com ele bem antes de ele voltar à banda. Apenas nos encontramos para tomar um café, só para jogar conversa fora. Tínhamos alguns amigos em comum que conseguiram isso, foi em Burbank, nos encontramos na Starbucks, e acabou que uma de suas bandas do passado já abriu um show do Replacements em Seattle. Não sabia disso, conversamos sobre isso e rimos. Ele sempre foi muito legal comigo e um cara muito bom, sempre gostei dele como pessoa e músico. Após conhecê-lo inicialmente, de vez em quando trocávamos mensagens. Sempre foi legal conhecê-lo", disse.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.