sexta-feira, 20 de abril de 2018

Zakk Wylde diz que 'audição' no Guns N' Roses foi mais jam do que teste
sexta-feira, abril 20, 2018


O guitarrista Zakk Wylde relembrou, em entrevista ao Eonmusic, o breve período em que tocou com o Guns N' Roses, no ano de 1995. O músico tocaria ao lado do também guitarrista Slash, na vaga deixada por Gilby Clarke - e que acabaria ocupada por Paul Tobias.

Durante o bate-papo, Zakk Wylde negou que tenha passado por uma audição para integrar o Guns N' Roses. "Apenas fui fazer uma jam com os caras. Não era nem mesmo uma audição naquele ponto. Jimmy Page não faz teste para os Rolling Stones. Seria como: 'Jimmy, quer vir e tocar conosco?'. 'Sim, ok, sem problemas'. Então, foi mais dessa forma - apenas um monte de palhaços se juntando e tocando", afirmou.

Por onde anda o Guns N' Roses que tocou no Rock In Rio 2001?

As jams ganharam um caráter mais sério após serem registradas demos com Slash, o vocalista Axl Rose, o baixista Duff McKagan e o tecladista Dizzy Reed. "Improvisamos um monte de coisas. Fizemos demos e coisas do tipo na casa de Duff, no estúdio. Só tínhamos um monte de riffs e coisas assim, mas nada estava acontecendo, estava no limbo", disse Wylde.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.