sexta-feira, 11 de maio de 2018

Coverdale sentiu vergonha por Blackmore não ir ao Rock Hall com Deep Purple
sexta-feira, maio 11, 2018


O vocalista David Coverdale relembrou, em entrevista ao Celebrity Page (transcrição via Ultimate Guitar), a indução do Deep Purple ao Rock And Roll Hall Of Fame, no ano de 2016. Na ocasião, além da formação MK II (Ian Gillan, Ritchie Blackmore, Roger Glover, Jon Lord e Ian Paice), foram homenageados os cantores Rod Evans, da MK I, e Coverdale, além do baixista e vocalista Glenn Hughes - os dois últimos, da line-up MK III.

Durante a rápida entrevista, David Coverdale disse que foi "fantástico" entrar para o hall da fama do rock. Contudo, ele destacou ter ficado "envergonhado" pela ausência de Ritchie Blackmore, que, ao lado de Rod Evans, não compareceu à cerimônia.

- Coverdale, Hughes e Lord tentaram reunião do Deep Purple com Blackmore

"Foi fantástico. Glenn Hughes e eu somos como os Righteous Brothers mais jovens. Apenas tivemos o melhor dos momentos. Não posso falar pelo resto dos caras do Deep Purple, mas Ritchie Blackmore deveria ter estado lá. Fiquei envergonhado por ele ter sido ameaçado de não ir e isso partiu meu coração. Nenhum de nós estaria naquele palco sem a contribuição de Ritchie Blackmore", afirmou Coverdale.

Na época, em um comunicado oficial, Ritchie Blackmore afirmou que recebeu uma carta do Rock And Roll Hall Of Fame dizendo que o empresário atual do Deep Purple, Bruce Payne, solicitou que ele não comparecesse. Posteriormente, a direção do Hall Of Fame negou ter pedido que Blackmore não fosse ao evento.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.