Dolores O'Riordan, dos Cranberries, tentou suicídio em 2013


A causa da morte da vocalista dos Cranberries, Dolores O'Riordan, ainda não foi divulgada. Entretanto, o site TMZ destacou uma evidência preocupante.

Segundo a publicação, a cantora tentou cometer suicídio, por meio de overdose, em 2013. Ela sofria de depressão e, na época, teve um colapso mental.

Além disso, segundo o TMZ, Dolores O'Riordan sofria de transtorno bipolar. Ela afirmava acreditar que seus problemas emocionais ocorriam devido a abusos que sofreu quando criança.

A informação divulgada pelo TMZ é apenas um resgate histórico sobre a trajetória de Dolores O'Riordan. Não há nenhum indicativo, até o momento, de que ela tenha cometido suicídio.

A cantora faleceu nesta segunda-feira (15), aos 46 anos, em Londres, na Inglaterra, onde a banda se encontrava para uma breve sessão de gravações. A família pediu privacidade neste momento e informou, apenas, que sua morte ocorreu de forma "repentina". A polícia trata o caso como "morte súbita", sem circunstâncias suspeitas.

Leia:
O comunicado da polícia sobre a morte de Dolores O'Riordan
Dolores O'Riordan morreu antes de gravar com banda de metal
Dolores O'Riordan, dos Cranberries, tentou suicídio em 2013 Dolores O'Riordan, dos Cranberries, tentou suicídio em 2013 Reviewed by Igor Miranda on terça-feira, janeiro 16, 2018 Rating: 5