Iron Maiden processa quem vende produtos da marca sem licença


O Iron Maiden processou uma série de falsificadores virtuais, sob a acusação de infração dos direitos sobre a marca da banda. A ação foi movida no último dia 23 de janeiro, por meio da US District Court do distrito norte de Illinois.

Segundo a ação, os falsificadores virtuais têm comercializado produtos com a marca "Iron Maiden" sem a devida autorização, o que compromete a reputação e a boa vontade da banda. "Consumidores devem esperar a melhor qualidade dos produtos da marca 'Iron Maiden'", diz parte do texto.

O grupo, que vende produtos oficiais em seu site, afirma que os sites que comercializam artigos com sua marca devem ser autorizados oficialmente e oferecer apenas "produtos genuínos do Iron Maiden". O intuito é que a ação se torne uma injunção permanente contra todos os comerciantes online, com multa de US$ 2 milhões para cada infração de uso da marca.
Iron Maiden processa quem vende produtos da marca sem licença Iron Maiden processa quem vende produtos da marca sem licença Reviewed by Igor Miranda on quinta-feira, fevereiro 01, 2018 Rating: 5