Ace Frehley e Gene Simmons já saíram na porrada nos tempos de Kiss


O segurança Big John Harte, que trabalhou para bandas e artistas como Kiss, Iron Maiden, Billy Idol, Prince e outros, está para lançar sua autobiografia, "Head Of Secutiry", por meio de financiamento coletivo. Para promover o projeto, ele divulgou alguns depoimentos, em vídeo, sobre alguns músicos com os quais trabalhou ao longo dos anos.

Em uma das filmagens, Harte comentou sobre os anos finais da primeira passagem do guitarrista Ace Frehley pelo Kiss. O músico deixou a banda em 1982, após ter aparecido na capa e nos vídeos promocionais de "Creatures Of The Night", mas sem ter tocado no álbum.

Ace Frehley queria ter tocado em "Creatures Of The Night"

"Obviamente, existia muita tensão durante o último ano em que esteve lá. Ele estava infeliz com 'Music From The Elder' (1981, antecessor de 'Creatures'), sentia que não era a direção que a banda deveria seguir. Ele queria que o álbum fosse bem mais pesado, heavy rock and roll. E, claro, ele foi voto vencido", afirmou Harte.

O guarda-costas pontuou que a produção de Bob Ezrin colaborou para que "Music From The Elder" fugisse bastante do hard rock praticado pelo Kiss anteriormente. "Aquele disco foi feito por Bob Ezrin e ele recebeu muita liberdade criativa. Se você ouvir 'The Wall' (Pink Floyd, 1979, também produzido por Ezrin) e 'The Elder', verá que foi feito da mesma forma", disse.

De acordo com o segurança, os desentendimentos eram tão frequentes que Ace Frehley e Gene Simmons chegaram às vias de fato durante uma discussão momentos antes de fazer um show. "A tensão era ruim. Eu me lembro de uma ocasião na estrada, quando Gene e Ace brigaram até chegar a ser físico. E, você sabe, uma coisa que aprendi de todo o tempo em que estive no rock and roll é não entrar no meio de brigas entre irmãos e colegas de banda. Deixamos que eles se resolvessem por um ou dois minutos", afirmou.

Ace Frehley e Gene Simmons já saíram na porrada nos tempos de Kiss Ace Frehley e Gene Simmons já saíram na porrada nos tempos de Kiss Reviewed by Igor Miranda on segunda-feira, março 12, 2018 Rating: 5