Black Country Communion é só um projeto paralelo para Glenn Hughes


O vocalista e baixista Glenn Hughes falou, em entrevista ao programa de rádio "Gasômetro", de Gastão Moreira, na rádio Kiss FM, sobre a sua relação com o Black Country Communion, banda que mantém ao lado do guitarrista Joe Bonamassa, do tecladista Derek Sherinian e do baterista Jason Bonham. Apesar de ter lançado quatro discos com o grupo, Hughes considera o BCC um projeto paralelo.

"Adoraria dizer que foi mais que um projeto paralelo, mas é isso. Seria uma banda mundial fantástica se tivesse continuação de um ciclo de turnês completo. Seria uma banda muito, muito grande. Mas a banda não faz turnês porque as agendas são complicadas", afirmou.

- Exclusiva: Glenn Hughes fala sobre Deep Purple e tour no Brasil

Por outro lado, Glenn Hughes preferiu não expor "culpados" pela situação. "O que não posso fazer é dizer: 'por quê?'. Não posso apontar dedos. Tudo que sei é que estou no caminho, agora, com minha própria carreira, meu próprio legado com o Deep Purple e minhas próprias coisas que preciso fazer, porque sou mais velho que esses caras e preciso criar a magia de Glenn Hughes, globalmente. Todos os quatro cantos do mundo serão visitados por Glenn Hughes nos próximos dois anos. Cada continente será visitado", disse.

Clique aqui e confira a entrevista ao "Gasômetro" na íntegra.

Em entrevista exclusiva concedida a mim, Glenn Hughes adiantou que o Black Country Communion lançará um novo disco em 2019. "Fizemos alguns shows no início deste ano e, agora, planejamos fazer um novo disco em algum período do próximo ano", afirmou, na ocasião.
Black Country Communion é só um projeto paralelo para Glenn Hughes Black Country Communion é só um projeto paralelo para Glenn Hughes Reviewed by Igor Miranda on segunda-feira, maio 07, 2018 Rating: 5