domingo, 27 de maio de 2018

Dos palavrões ao country: Steven Tyler fala sobre liberdade dentro do Aerosmith
domingo, maio 27, 2018


O vocalista Steven Tyler comentou, em entrevista ao Los Angeles Times, sobre a liberdade que possui para se manifestar, artisticamente, dentro do Aerosmith. Ele destacou que pode ser tanto introspectivo quanto divertido em suas composições.

"Há uma liberdade no Aerosmith que eu gosto. Posso escrever versos como 'conversei com meu pai, ele disse: você ainda não viu nada até provar um muffin (espécie de gíria para sexo oral)' e usar os maiores palavrões possíveis", disse, citando um trecho de "Walk This Way".

- Steven Tyler, um dos grandes rockstars da história

"Então, podemos escrever algo como 'Cryin' - 'houve uma época em que eu estava com o coração partido...' - que poderia ser chamado de uma música country", completou o vocalista.

Embora tenha enorme liberdade no Aerosmith, Steven Tyler preferiu lançar o disco "We're All Somebody From Somewhere", mais orientado ao country, em carreira solo. A nova empreitada gerou, ainda, um documentário intitulado "Out On A Limb", que mostra o seu mergulho na música country.

"Isso mostra um outro lado de mim. Isso mostra o quanto essa banda é ótima, mostra a vibe no Ryman e deixa as pessoas opinarem sobre música. Isso mostra esse período de tempo na minha vida. Jamais havia feito um disco solo e, nisso, é muito legal", afirmou.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.