quarta-feira, 20 de junho de 2018

Bad Wolves doa US$ 250 mil para família de Dolores, dos Cranberries
quarta-feira, junho 20, 2018


O Bad Wolves anunciou a doação de US$ 250 mil (cerca de R$ 933 mil, na cotação atual) para a família de Dolores O'Riordan, vocalista dos Cranberries falecida no início deste ano. Um cheque com o valor foi entregue em mãos a familiares da cantora durante um show em Nova York, na última terça-feira (19).

- Leia: Dolores O'Riordan tentou suicídio em 2013

Assista ao momento no vídeo a seguir.



A doação foi feita porque Dolores O'Riordan morreu horas antes de registrar vocais na versão que o Bad Wolves fez para "Zombie", clássico dos Cranberries. Ela morreu no último dia 15 de janeiro, em um hotel de Londres. A causa da morte não foi revelada até hoje - o inquérito foi retirado do cronograma das autoridades locais sem justificativa.

Por fim, o Bad Wolves lançou a versão de "Zombie" sem os vocais de Dolores, como forma de homenageá-la. Desde a divulgação do cover, a banda já havia confirmado que doaria a renda obtida com a canção para os filhos da artista.



O Bad Wolves é composto por Tommy Vext (ex-Divine Heresy e Snot) nos vocais , John Boecklin (ex-Devildriver) na bateria, a dupla Doc Coyle (Vagus Nerve) e Chris Cain (Bury Your Dead) nas guitarras e Kyle Konkiel (ex-In This Moment) no baixo.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.