O plano B de Dave Mustaine caso o Megadeth não tivesse dado certo


O baixista do Megadeth, David Ellefson, revelou em entrevista ao Inquisitr que o líder da banda, o vocalista e guitarrista Dave Mustaine, tinha uma espécie de plano B caso o grupo não desse certo. Segundo Ellefson, Mustaine pensava em trabalhar com computadores se tudo fracassasse.

"Quando conheci Dave, ele estava pensando em seu próximo passo. É engraçado, porque ele até falou sobre isso: 'sabe, se isso não funcionar, acho que vou entrar em computadores'. Foi engraçado, porque é um cara de talento carismático e já havia construído uma base de seguidores graças aos seus poucos anos com o Metallica", contou o baixista.

- "Incrível guitarrista e compositor", diz James Hetfield sobre Dave Mustaine

Ellefson disse que sempre confiou na gestão do Megadeth feita por Mustaine, embora ele tenha sido o comandante de suas bandas anteriores. "Quando eu conheci Dave, eu era o cara que tinha que ser o líder das minhas bandas em Minnesota, então, eu estava acostumado a fazer todo o trabalho. Quando conheci Dave, ele sabia como fazer tudo, desde o tempo dele no Metallica. É um homem muito motivado e focado. Quando pensa em algo, é inabalável e intransigente. E é disso que precisávamos para começar o Megadeth", afirmou.

O músico atribui a existência do Megadeth nos últimos 35 anos ao foco logo nos primórdios da banda. "Tínhamos uma missão, uma visão, uma direção e a energia para ir atrás disso. E é por isso que ainda estamos aqui, 35 anos depois", disse.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
O plano B de Dave Mustaine caso o Megadeth não tivesse dado certo O plano B de Dave Mustaine caso o Megadeth não tivesse dado certo Reviewed by Igor Miranda on segunda-feira, junho 11, 2018 Rating: 5