quinta-feira, 21 de junho de 2018

Sebastian Bach foi incentivado por Rob Trujillo a se reconectar com Skid Row
quinta-feira, junho 21, 2018


O vocalista Sebastian Bach, ex-Skid Row, revelou que o baixista do Metallica, Robert Trujillo, o incentivou a se reconectar com seus antigos colegas de banda. A revelação foi feita em entrevista ao "Meltdown", da rádio WRIF (transcrição via Blabbermouth).

"Eu estava na festa de aniversário de Jerry Cantrell (guitarrista do Alice In Chains) e Robert Trujillo estava lá. Ele veio até mim e disse: 'por que vocês não estão juntos?'. Eu digo: 'ah, isso e isso e aquilo'. E ele olha e fala: 'você sabe que as pessoas realmente gostam disso, certo?'. Digo que sim. E ele diz: 'por que você não apenas escreve algo legal para eles?'. Isso é do Metallica, certo? Digo: 'cara, eu tentei, mas não funciona'. E ele diz: 'Sebastian, apenas mande uma mensagem para eles, é só fazer isso, claro que vai funcionar'", contou Bach.

- Leia: Por que a reunião do Skid Row com Sebastian Bach não deve rolar

O cantor disse que foi para casa e levou em consideração o conselho, já que veio do Metallica. "Mandei uma mensagem para toda a banda: 'ei, pessoal, janeiro de 2019 é o 30° aniversário do álbum 'Skid Row', acho que talvez devêssemos fazer um relançamento com material bônus e (o VHS) 'Oh Say You Can Scream' em Blu-Ray, pôsteres'. Tudo que o Rush lança, eu compro, assim como outras bandas, como Allman Brothers... eu coleciono. Eu disse: 'vamos fazer um relançamento de 30 anos, espero que todos estejam bem, ansioso pela resposta de vocês'. Mandei e não tive nenhuma resposta. Não estou inventando. Cinco caras! Não, nada. Ok, acho que foi uma ideia imbecil. Os fãs provavelmente gostariam de uma versão deluxe. Mas estúpido que sou... o que sei?", concluiu, aos risos.

Bach destacou que não é contra uma reunião do Skid Row. "Não sou contra voltar ao Skid Row algum dia, porque acho que seria uma forma de retribuir aos fãs que nos deram cheques de royalties nos nossos 50 e 60 anos. Eu me sinto culpado. Penso: 'eu deveria me reunir por esses caras, porque somos pagos por isso'. E não nos vimos em 20 anos. É inacreditável", afirmou.

Por outro lado, o cantor diz que não entende por que tem divergências com os integrantes remanescentes do Skid Row - o baixista Rachel Bolan e os guitarristas Dave "The Snake" Sabo e Scotti Hill -, sendo que tem boas relações com muita gente. "Eu me dou bem com 75 pessoas no set de 'Gilmore Girls', com 60 pessoas do 'Trailer Park Boys' por seis temporadas. Mas não consigo me dar bem com esses três. Dá um tempo! Não sei o que fazer. É muito triste. Entendo como os fãs se sentem. Eu entendo, também sou fã de rock. Eu sigo o conselho do Metallica e não funciona. O que o Metallica sabe?", concluiu.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.