quarta-feira, 11 de julho de 2018

'American Idiot', do Green Day, volta às paradas do Reino Unido por visita de Trump
quarta-feira, julho 11, 2018


A campanha que tenta trazer "American Idiot", do Green Day, ao topo das paradas do Reino Unido parece estar dando certo. De acordo com a Official Charts, que faz curadoria dos números locais, a música lançada pela banda em 2004 está em 20° lugar nos charts de quarta-feira (11), três posições a mais do que conquistou na terça (10).

A ideia da campanha é "homenagear" o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante sua visita ao Reino Unido. Com fins diplomáticos, a viagem de Trump acontece na sexta-feira (13). Dessa forma, os fãs pedem, na campanha, que se faça a compra do download da música "American Idiot" até quinta-feira (12), para que a contagem seja feita e corresponda às paradas de sexta.

"American Idiot", do Green Day: um dos últimos clássicos do rock

A campanha está sendo divulgada, pelo Facebook, na página "Get 'American Idiot' To No. 1 For Trump's State Visit".

Veja, abaixo, um vídeo feito para a ação.



Até agora, o Green Day não se manifestou sobre a campanha. Entretanto, a chance da banda apoiar a "brincadeira" é alta, visto que seus integrantes - especialmente o vocalista e guitarrista Bille Joe Armstrong - já fizeram críticas abertamente a Donald Trump.

Veja, a seguir, a letra traduzida de "American Idiot" (via Letras.com.br).

"Não quero ser um Americano idiota.
Não quero uma nação se abaixando para a nova mídia
E você pode ouvir o som da histeria?
A mente subliminar fode a América

Bem vindo a uma nova forma de tensão
Por toda parte há alienação
Onde tudo significa estar tudo bem
A televisão sonha com o amanhã
Nós não somos aqueles que se importam em seguir
Pra isso já e o suficiente argumentar

Talvez eu seja a América gay
Eu não faço parte de uma agenda preconceituosa.
Agora todos fazem a propaganda
E cantem comigo na era da paranóia

Bem vindo a uma nova forma de tensão
Por toda parte há alienação
O que eu quero dizer é que nada está bem
Um amanhã de sonhos
Nós não somos aqueles que parecem seguir
Pra isso já e o suficiente argumentar

Não queira ser um idiota americano
Uma nação controlada pela mídia
Informações na era da histeria
Estão chegando a América idiota

Bem vindo a uma nova forma de tensão
Por toda parte na alienação
O que eu quero dizer é que nada está bem
a televisão sonha com o amanhã
Nós não somos aqueles que parecem seguir
Pra isso o suficiente é argumentar"

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
Igor Miranda Jornalista natural de Uberlândia (MG). Apaixonado por rock há mais de uma década, começou a escrever sobre música desde 2007, com o surgimento do saudoso blog Combe do Iommi. Co-fundou e integrou o site Van do Halen até o ano de 2013 - apesar de ainda manter uma coluna, chamada "Cabeçote" e publicada sempre nas noites de segundas-feiras. Atualmente é redator-chefe da área editorial do site Cifras, afiliado ao R7. Trabalhou como repórter do jornal Correio de Uberlândia entre 2013 e 2016.