'Pena que tenha acabado assim', diz Vivian Campbell sobre relação com Dio


O guitarrista Vivian Campbell falou, em entrevista ao podcast "Music Mania" (transcrição via Blabbermouth), sobre a sua complicada relação com o falecido vocalista Ronnie James Dio, com quem tocou na banda Dio durante a década de 1980 - depois disso, ambos trocaram farpas pela imprensa. Atualmente, Campbell conduz o Last In Line, grupo que foi formado como uma espécie de homenagem a Ronnie.

Durante o bate-papo, Vivian Campbell concordou que o Last In Line lhe deu a oportunidade de "fazer as pazes" com Ronnie James Dio. "É muito catártico poder fazer isso. Se Ronnie estivesse vivo, ele aprovaria. Aliás, se Ronnie estivesse vivo, eu nunca faria isso. Se existisse uma versão do Dio tocando por aí, eu nunca juntaria o Last In Line", disse, inicialmente.

- Leia: "Dio aprovaria o Last In Line", diz Vivian Campbell

Para o guitarrista, o falecimento de Ronnie lhe deu a chance de reavaliar a situação. "É uma pena que as coisas tenham acabado dessa forma com Ronnie. Conhecendo Ronnie da forma que conhecia, estou certo de que se nos encontrássemos na ocasião correta, sem outras pessoas entre nós, teríamos tomado uma cerveja e remediado a situação. Nunca aconteceu. Nós dois cometemos o erro de criticar um ao outro pela imprensa, o que nunca é uma boa ideia, mas você é 'sugado' a essas coisas", afirmou.

Vivian destacou que sua relação com Ronnie sempre foi "complicada, mesmo na melhor época". "Uma coisa que me incomodou ao longo dos anos é que todos pensam que eu saí do Dio, que virei as costas. Eu realmente virei as costas, mas só depois que fui demitido. Dei muito àquela banda nos primeiros discos e para Ronnie. Tudo o que queria era receber pelo menos mais do que a equipe de roadies", disse, aos risos.

Campbell explicou que ter sido demitido no meio de uma turnê o deixou chateado por muitos anos. "Somente após Ronnie ter falecido, depois de muitos anos, e talvez pelo meu diagnóstico de câncer é que reavaliei muitas coisas na minha vida. Pude voltar e perceber que apesar da decepção, ainda era a minha herança. Ainda sou o criador daquelas músicas e discos com Ronnie, Jimmy (Bain, baixista) e Vinny (Appice, baterista). A gente se entregou de corpo e alma. É minha herança, assim como de Jimmy Bain, Vinny Appice e Ronnie", afirmou.

A desavença entre Ronnie James Dio e Vinny Appice estampou manchetes na imprensa por décadas. O auge foi em 2007, quando Ronnie disse, em um vídeo, que Vivian era um "babaca" e um "pedaço de m*rda". Campbell, por sua vez, dizia que Dio era "uma das pessoas mais repugnantes da indústria musical". Em 2011, já após a morte do vocalista, a viúva e empresária do cantor, Wendy Dio, disse em entrevista à revista "Roadie Crew" que foi ela a responsável pela demissão do guitarrista. "Ronnie não o demitiu. Fui eu. Ele queria tanto dinheiro quanto Ronnie. Ele achou que era tão importante quanto Ronnie e isso estava errado. Porém, não quero entrar nisso, são águas passadas, não importa", disse, na ocasião.

* Siga IgorMiranda.com.br no InstagramFacebook e Twitter.
'Pena que tenha acabado assim', diz Vivian Campbell sobre relação com Dio 'Pena que tenha acabado assim', diz Vivian Campbell sobre relação com Dio Reviewed by Igor Miranda on quarta-feira, julho 18, 2018 Rating: 5