Gary Moore era a primeira opção para banda solo de Ozzy Osbourne


Em recente entrevista ao The Metal Voice, o baixista Bob Daisley falou sobre os primórdios da banda que acompanharia Ozzy Osbourne em sua carreira solo. Para o grupo, inicialmente chamado de Blizzard Of Ozz, o Madman queria contar com o guitarrista Gary Moore, consagrado por sua trajetória solo e passagens pelo Thin Lizzy.

"Ozzy nunca quis substituir Randy Rhoads por Gary Moore. Na verdade, Gary Moore era a primeira opção de Ozzy. Quando Ozzy estava em Los Angeles, após ter sido demitido do Black Sabbath e pensando em formar uma banda, sua primeira opção era Gary Moore", contou Daisley.

No entanto, Gary Moore não se interessou em tocar com Ozzy Osbourne, segundo Bob Daisley. "Gary não quis trabalhar com Ozzy por conta da fama que ele tinha com drogas e álcool, não sendo profissional. Gary disse: 'eu vou te ajudar a encontrar um guitarrista ou se você encontrar um guitarrista e quiser minha opinião, eu te ajudo nisso'", afirmou o baixista.

10 guitarristas que quase entraram para a banda de Ozzy Osbourne

Moore, inclusive, deu o seu aval para a contratação de Randy Rhoads, mas o favorito do músico irlandês, falecido em 2011, era outro. "Gary avaliou Jake E. Lee de forma muito alta. Acho que Jake E. Lee é um dos melhores guitarristas que Ozzy já teve", contou o músico.

Embora nunca tenham feito parte de um mesmo projeto, Gary Moore e Ozzy Osbourne gravaram, juntos, a música "Led Clones", lançada pelo guitarrista em 1989.



Daisley, que trabalhou com Ozzy por muito tempo, também tocou na banda solo de Gary Moore - e homenageou o guitarrista com um recente álbum-tributo, "Moore Blues For Gary". O registro conta com a participação de nomes como os vocalistas Joe Lynn Turner e Glenn Hughes, os guitarristas John Sykes e Steve Lukather, o baterista Eric Singer e o tecladista Don Airey.
Gary Moore era a primeira opção para banda solo de Ozzy Osbourne Gary Moore era a primeira opção para banda solo de Ozzy Osbourne Reviewed by Igor Miranda on segunda-feira, dezembro 17, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário