Glen Drover desobedeceu Mustaine em United Abominations (e não foi demitido)


O guitarrista Glen Drover, atualmente no projeto Walls Of Blood, integrou a formação que levou o Megadeth de volta aos palcos em 2004. A banda havia acabado em 2002, após Dave Mustaine sofrer com um problema no braço, mas retornou dois anos depois com Glen e seu irmão, Shawn Drover, na bateria, além de James MacDonough no baixo - este último, substituído em 2006 por James LoMenzo.

Embora tenha ficado apenas até o ano de 2008, Glen Drover considera que sua relação com Dave Mustaine foi "muito boa". Em entrevista ao The Metal Voice, transcrita pelo Blabbermouth, o músico revelou algumas curiosidades de seu trabalho com o Megadeth - inclusive, um momento de desobediência que levou à pesada "Sleepwalker", uma das melhores músicas do álbum "United Abominations" (2007).



Inicialmente, Glen Drover destacou que "United Abominations" segue como um álbum "muito forte". "Foi muito divertido de se gravar. Meus álbuns preferidos do Megadeth são os primeiros, especialmente 'So Far, So Good, So What?' (1988) e 'Peace Sells... But Who's Buying?' (1986), mas há muitas músicas das quais eu gosto no 'United Abominations'", afirmou.

- O plano B de Dave Mustaine caso o Megadeth não tivesse dado certo

Em seguida, Glen foi perguntado sobre uma recente declaração de Dave Mustaine, em que ele afirma ter "cantarolado" as melodias dos solos para diversos guitarristas do Megadeth. "Isso foi levado a algo estranho. Ele disse isso, mas não especificou, então, parece que ele cantarolava todas as notas. Não era assim", disse.

Em seguida, o guitarrista deu o exemplo do solo de "Sleepwalker" - música que só entrou em "United Abominations" após um ato de "desobediência" de Glen Drover. "Gravei um solo para 'Sleepwalker', que não entraria para o álbum. Ainda bem que entrou, porque era uma das únicas músicas rápidas, enquanto várias outras eram mais lentas. Precisávamos de algo mais rápido e Dave não queria. No fim, eu e (o produtor) Andy Sneap) fizemos uma demo e mandamos para a gravadora. Acho que o poder de Dave foi superado nessa situação. Desculpe, Dave, mas foi assim que aconteceu", afirmou.

Apesar do momento de "displicência", Glen Drover destacou que se deu muito bem com Dave Mustaine. "Ele não era de ficar dando ordens. Fiz meu dever de casa tão bem que ele não questionava. Quando eram os solos, ele pedia para fazer algo em tal estilo e a ideia surgia com toda essa coisa de ele cantarolar os solos. Não eram todas as notas, ele apenas dava uma pista do fluxo, do tempo. Em 'Sleepwalker', o solo tinha o dobro de velocidade. Ele pediu algo mais lento e memorável. E foi assim", disse.
Glen Drover desobedeceu Mustaine em United Abominations (e não foi demitido) Glen Drover desobedeceu Mustaine em United Abominations (e não foi demitido) Reviewed by Igor Miranda on sábado, janeiro 19, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário