Marty Friedman quase tocou com Madonna ao invés do Megadeth


Em entrevista ao The Metal Voice, transcrita pelo Blabbermouth, o guitarrista Marty Friedman revelou que quase tentou entrar para a banda de apoio da cantora Madonna. Segundo Friedman, a audição aconteceria na mesma época em que se juntaria ao Megadeth, em 1990.

"Isso iria acontecer na mesma semana em que fiz audição para o Megadeth. Obviamente, isso não aconteceu", afirmou o guitarrista.

Embora o estilo musical de Madonna seja bem diferente do Megadeth, Marty Friedman disse que tocaria com a cantora pop sem problemas. "Na época, eu estava quase sem-teto. Estava morando com várias garotas - típico cara esponja de Hollywood e sem orgulho disso, mas era assim na época. E eu sempre gostei de Madonna. Ela tem um grande guitarrista hoje em dia - um cara chamado Monte Pittman, que é 100% metal", disse.

Marty Friedman era a 'arma secreta' de 'Rust In Peace'

O ex-guitarrista do Megadeth destacou que foi ele quem ficou sabendo da audição - ou seja, os responsáveis pela carreira de Madonna sequer conheciam Friedman. "Era como uma convocação de talentos. Eu morava em Hollywood, então, ficava sabendo de tudo. Soube de outras coisas também, mas não me lembro. Eu sempre tentava entrar em algum tipo de banda", afirmou.

Citado por Friedman, Monte Pittman toca com Madonna desde meados de 2000, além de fazer parte da banda Prong e conduzir carreira solo. Pittman chegou a ensinar a cantora a tocar "A New Level", do Pantera, na guitarra. A veterana do pop gostou tanto de um dos riffs que acabou aproveitando em uma passagem de seu repertório final da turnê "Sticky & Sweet Tour", de 2009.

- Quando Madonna aprendeu a tocar Pantera - e incluiu no repertório do show
Marty Friedman quase tocou com Madonna ao invés do Megadeth Marty Friedman quase tocou com Madonna ao invés do Megadeth Reviewed by Igor Miranda on sábado, janeiro 05, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário