Bring Me The Horizon não é mais metal e pede para público superar isso


O baterista Matt Nicholls falou sobre o atual momento do Bring Me The Horizon em entrevista à jornalista Julia Sabbaga, do Omelete. A banda lançou o álbum "Amo" no início deste ano e chama a atenção por ter se distanciado ainda mais do heavy metal alternativo, que consagrou o grupo no passado, para se aprofundar no flerte com o pop e a música eletrônica.

Inicialmente, Nicholls destacou que os integrantes do Bring Me The Horizon se tornaram "outras pessoas", em comparação a antigamente. "Nós não colocamos fronteiras no que queremos fazer. Não fomos feitos para um tipo de música, não somos caras do rock, ou caras do metal. Nós gostamos do que gostamos", afirmou.

Uma das músicas do álbum é intitulada "Heavy Metal", mas a letra critica os supostos fãs que deixaram de acompanhar o Bring Me The Horizon só por terem se afastado da música pesada. "(O tom da letra) Não é nada sério. As pessoas ficam conversando online coisas como ‘eles não são mais heavy metal’ e nós não somos, as pessoas precisam superar isso. Elas precisam vir nos ver ao invés de ficar escrevendo que deveríamos lançar um álbum como nosso primeiro", disse.

O baterista destacou, ainda, que há muitas bandas fazendo metal melhor do que eles, mas que os fãs não acompanham tais trabalhos. "Essa é a internet, as pessoas gostam de falar porcaria", completou.

O Bring Me The Horizon se apresenta no festival Lollapalooza 2019, que acontece entre os dias 5 e 7 de abril, no Autódromo de Interlagos, em São Paulo. Antes, no dia 3, a banda toca em uma Lolla Party ao lado do Fever 333, na Audio Club, também na capital paulista.
Bring Me The Horizon não é mais metal e pede para público superar isso Bring Me The Horizon não é mais metal e pede para público superar isso Reviewed by Igor Miranda on quarta-feira, março 27, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário