Ace Frehley diz que não voltaria ao Kiss para ganhar salário de Tommy Thayer


O guitarrista Ace Frehley voltou a se oferecer para uma reunião com o Kiss, que está em sua (segunda) turnê de despedida, "End of the Road". Porém, ele já deixou claro que não voltaria para receber o salário de Tommy Thayer, músico que ocupou sua vaga no início dos anos 2000.

Em entrevista à revista "Rock Candy", o músico declarou que "seria bom" voltar a tocar com o Kiss. "Porém, não cabe a mim. Acho que temos um bom relacionamento agora. Troco mensagens com Paul (Stanley, vocalista e guitarrista) vez ou outra e já trabalhamos juntos recentemente, assim como com Gene (Simmons, baixista)", completou.

Frehley, no entanto, já colocou preço para voltar. "Eu consideraria seriamente (o retorno), mas o dinheiro precisa estar certo. Não vou aceitar o salário de Tommy Thayer. Certamente, venderiam mais ingressos com meu envolvimento. Tenho um pressentimento de que isso vai rolar", afirmou.

O músico disse, ainda, que reconhece o "inferno" que fez os ex-colegas passarem em seus anos de Kiss, devido às consequências causadas pelo abuso de drogas e álcool. "Às vezes, eu estava muito bêbado nas passagens de som, mas a sobriedade me deixou mais confiável", comentou.

A relação entre Ace Frehley e os ex-colegas de Kiss tem sido marcada por altos e baixos nos últimos tempos. Paul Stanley e Gene Simmons participaram dos álbuns recentes de Frehley, mas o guitarrista alfineta a atual versão da banda com frequência em entrevistas, chegando a dizer que o grupo não consegue atrair a quantidade desejada de fãs em sua turnê de despedida.

No início do ano, Ace ainda acusou Gene de assediar sua esposa, após ele ter dito que o guitarrista não voltaria para a banda porque desperdiçou suas chances no passado. "Saí duas vezes (não três) por vontade própria, porque você e Paul são controladores, indignos de confiança e muito difíceis de se trabalhar", disse, inicialmente.

"Você e Paul tentaram inviabilizar minha carreira solo, sem sucesso, por várias vezes. Tentei ser legal ao convidar você e Paul para tocar nos meus últimos álbuns [..]., mas os comentários me fizeram perceber que você é só um idiota e viciado em sexo, que está sendo processado por várias mulheres. A gota d'água foi quando você apalpou minha esposa (Rachael Gordon) e fez uma proposta sexual para ela em Los Angeles, no prédio da Capitol Records, pelas minhas costas, quando eu estava te ajudando em um de seus eventos 'Vault'. Só fiquei sabendo semanas depois. Ela planejava te processar, mas eu falei para ela não fazer isso", completou, na ocasião.
Ace Frehley diz que não voltaria ao Kiss para ganhar salário de Tommy Thayer Ace Frehley diz que não voltaria ao Kiss para ganhar salário de Tommy Thayer Reviewed by Igor Miranda on segunda-feira, setembro 30, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário