Playlist: bons álbuns e músicas de rock e metal lançados nesta sexta (6/9)


Na playlist a seguir, músicas lançados nesta sexta-feira (6) – e ao longo da semana – que chamaram a minha atenção. São, no geral, boas recomendações que se destacaram no meu gosto – e que podem te convencer também.

Também faço, abaixo, algumas recomendações de álbuns divulgados nesta sexta (6), além de listar outros discos que chegam a público nesta data.

Ouça a playlist:



>>> Ou clique aqui para acessá-la direto no Spotify.

Novas músicas de destaque desta playlist:
  • Faixas isoladas dos novos álbuns de Stevie D e Corey Glover, Year of the Goat e Black Star Riders (comentados abaixo);
  • “Can You Hear Me”, a melancólica nova faixa do Korn, a uma semana de lançar o novo álbum;
  • “Take What You Want”, a aguardada parceria de Post Malone com Ozzy Osbourne (e Travis Scott);
  • “Always There”, faixa lançada de surpresa pelo Greta Van Fleet para trilha sonora do filme “A Million Little Pieces”;
  • Novidades das bandas brasileiras Dona Cislene, Bike, Bullet Bane, Gabriel Thomaz Trio e Vicio.
Depois, não deixe de conferir:
Top 25: bons álbuns de rock e metal lançados no 1° semestre de 2019
140 álbuns de rock e metal que serão lançados em setembro de 2019
95 álbuns de rock e metal lançados em agosto de 2019
Os 10 melhores álbuns de rock e metal em 2018

Álbuns de destaque

Stevie D e Corey Glover – “Torn From The Pages”: A união de Stevie D, produtor conhecido nos bastidores, e Corey Glover, gigante vocalista do Living Colour, já soava promissora logo nos primeiros singles. Agora, materializada em álbum lançado pela Mighty Music, já é possível dizer: trata-se de uma das melhores produções deste ano. “Torn From The Pages” traz Glover um pouco mais furioso do que o já conhecido em sua banda de origem, mas ainda com momentos de groove em meio aos riffs fortes de Stevie. Ainda que o hard rock seja o grande fio condutor, há um caldeirão de influências no material, permitindo explorar do blues ao funk rock. O repertório é bem composto, a produção soa caprichada e ouvir Corey cantar é sempre um prazer. Vale a pena, do início ao fim.



Black Star Riders – “Another State of Grace”: Sempre tive certa boa vontade com o Black Star Riders, especialmente por terem se dissociado do nome do Thin Lizzy para produzir material próprio. Contudo, parece inegável que a falta de estabilidade na formação prejudica na qualidade do que é apresentado – não à toa, o melhor trabalho do grupo segue sendo “Heavy Fire” (2017), único a repetir uma line-up de músicos. “Another State of Grace” sofre do mesmo problema dos dois primeiros discos: não é memorável. O repertório parece ser construído às pressas e as referências ao Lizzy voltaram a ficar muito evidentes. Por ser apenas mediano, não merece críticas tão pesadas, mas é evidente que Scott Gorham e seus asseclas podem oferecer algo a mais.



Year of the Goat – “Novis Orbis Terrarum Ordinis”: A nova onda de occult rock que tem o Ghost como protagonista trouxe algumas bandas semelhantes na bagagem. Uma delas é o Year of the Goat, grupo sueco que chega a seu terceiro trabalho de estúdio. Soa, no geral, como um registro de continuidade, especialmente em comparação ao antecessor direto, “The Unspeakable”. As músicas são afáveis e pesadas ao mesmo tempo, trazendo um tempero extra de psicodelia como elemento identitário, em contraponto ao heavy rock que outros grupos do segmento acabam “revivendo”. É o tipo de trabalho que merece ser ouvido mais vezes para ser compreendido, contudo, o “investimento” de tempo nas canções parece valer a pena.



Sonata Arctica – “Talviyö”: Por tentar se dissociar das desgastadas fórmulas do power metal, o Sonata Arctica já merece certa atenção há algum tempo. Em “Talviyö”, o grupo tenta dar outro passo nesse sentido, mas esbarra em alguns problemas. Embora esteja explorando outros segmentos do heavy metal e até mesmo o hard rock, com direito a algumas faixas que lembram o Deep Purple – dos bons momentos, com Ian Gillan, e de tempos mais bicudos, com Joe Lynn Turner –, a impressão passada é que o Sonata Arctica não sabe muito bem o que fazer a essa altura do campeonato. Em função disso, o álbum soa inconsistente e tenta atirar em uma série de referências, sonoras ou mesmo líricas, de forma pouco coerente. Os vocais de Tony Kakko, em especial, decepcionam pela falta de criatividade: as faixas mais empolgantes e os maiores fillers são cantados da mesma forma. Falta brio, não só a Kakko, mas aos demais integrantes.



Outros álbuns que pretendo ouvir nos próximos dias:

  • Iggy Pop – “Free”
  • Liv Sin – “Burning Sermons”
  • Status Quo – “Backbone”
  • The Cold Stares – EP “Ways Black”

Em ordem alfabética, outros álbuns de rock e metal lançados nesta sexta-feira, 6 de setembro (disponíveis em plataformas de streaming):

  • Anamorph (metal instrumental) – “Lucid”
  • Barns Courtney (folk/blues rock) – “404”
  • Chrissie Hynde (vocalista do Pretenders) – “Valve Bone Woe”
  • Cognizance (melodic death metal) – “Malignant Dominion”
  • Disillusion (metal progressivo) – “The Liberation”
  • Divided Multitude (metal progressivo) – “Faceless Aggressor”
  • Eclipser (black metal) – “Pathos”
  • Everfrost (power metal) – “Winterider”
  • Foscor (dark/progressive metal) – “Els Sepulcres Blancs”
  • Frankie Cosmos (indie rock) – “Close It Quietly”
  • Gabriel Thomaz Trio (surf rock instrumental, com o vocalista e guitarrista do Autoramas) – “Babababa”
  • Gary Sunshine (hard rock) – “Beer, Picks & Old Records”
  • Grayscale (pop punk) – “Nella Vita”
  • Iggy Pop – “Free”
  • Jake Clemons (saxofonista da E Street Band) – “Eyes on the Horizon”
  • Kayo Dot (metal progressivo/post-metal) – “Blasphemy”
  • Keys Of Orthanc (atmospheric black metal) – “A Battle In The Dark Lands Of The Eye (Naturmacht)
  • Liv Sin (heavy metal) – “Burning Sermons”
  • Mgla (black metal) – “Age of Excuse”
  • Mizmor (black metal) – “Cairn”
  • Mobina Galore (punk rock) – “Don't Worry”
  • Omophagia (death metal) – “646965”
  • Rat Face Lewey (hard/alternative rock) – “The Fall of Man”
  • Rise Twain (rock progressivo) – “Rise Twain”
  • Senses Fail (post-hardcore) – “From The Depths Of Dreams”
  • Sleeping With Sirens (post-hardcore) – “How It Feels To Be Lost”
  • Spring.Fall.Sea (post-hardcore) – “Time + Tide”
  • Status Quo (hard rock) – “Backbone”
  • The Brutalists (com membros do L.A. Guns e Quireboys) – “We Are Not Here To Help”
  • The Cold Stares (hard rock) – EP “Ways Black”
  • Transport League (hard rock) – “A Million Volt Scream”
  • Vitriol (death metal) – “To Bathe From The Throat Of Cowardice”
  • Western Settings (punk rock) – “Another Year”
Playlist: bons álbuns e músicas de rock e metal lançados nesta sexta (6/9) Playlist: bons álbuns e músicas de rock e metal lançados nesta sexta (6/9) Reviewed by Igor Miranda on sexta-feira, setembro 06, 2019 Rating: 5

Nenhum comentário